terça-feira, 30 de abril de 2013

TORMENTA DE AMOR



La pasión que atormenta,
al pasar la tormenta...
En esta tormenta nos encontramos...
En medio a ella, nos besamos...
Con su ruido fuerte, nos amamos...
Nuestro amor es como la tormenta,
es fuerte, atormenta...
Sabemos que al pasar la tormenta,
nos vamos a separar...
Quizás ella no pare jamás,
Y asi, nuestro amor no tendrá su final...
Lástima, cessó la lluvia...
Sale el sol, entonces, vamonos...
Se apagó el sol de nuestra vida,
y empieza la lluvia de lágrimas...
Tormenta de un amor atormentado...
Con la tormenta el amor brilló,
y con el sol, se apagó...



Marcial Salaverry

O Seu Coração Me Pertence!



Quero falar-te agora mesmo
Nestas palavras de Amor.
Para que me ouça muito bem
Porque quero te amar com Temor.

Desde em que me conheceste
Conquistaste o meu coração.
Me amas profundamente
Demonstrando a sua Dedicação.

Sou um Homem Honesto e Simples
E quero te amar nesta hora.
Este é o grande momento
O quanto deve ser aqui e agora.

Seguirei os teus passos firmes
Por onde quer que você vai.
O meu Sentimento por Ti
É uma coisa que de mim não sai.

Agora que entende as minhas palavras
Mas vou declarar novamente.
Declamo nestes versos singelos
Que O Seu Coração Me Pertence!


Roberto Leal

segunda-feira, 29 de abril de 2013

Um grande amor



Viver um grande amor é o verdadeiro paraíso
E acho que, sei lá, deve ser disso que eu preciso
Porque apesar de tudo, minha vida é tão à toa
Que eu posso passar o dia escrevendo, numa boa

Até penso no futuro
Mas eu acho mais seguro
Ficar em cima do muro
Ou dar um tiro no escuro

Pois viver um grande amor é o verdadeiro paraíso
E acho que, sei lá, deve ser disso que eu preciso
Porque apesar de tudo, minha vida é tão à toa
Que eu posso passar o dia escrevendo, numa boa


Alexsander Tartarelli

É amor ...



Se fosse paixão
Essa nossa conotação
Derrubaria qualquer teoria sobre o amor
Entre os seres vivos
Teríamos que ser objetos de estudo...
Estaríamos em todos os livros
Exatamente por contrariarmos a lógica
E não termos explicação
Cientifica, biológica...
Estatística
Que nos dê outra classificação
Que não seja amor
Amor desses em que as trovas
Se confundem com as trevas
Em Que filha da égua nenhum
Tem provas contrarias
E Se atreveria a duvidar
Pois se a paixão
Se comprova na métrica
E na curta metragem que se dá
Essa nossa historia
Não tem regras...
Nem manual de instruções
Pra se montar...
É tudo amor
Uma bela historia de amor...
Que vence o tempo
E os limites que o corpo compôs
E paira suave
Eterna,
eternamente
Entre nós dois...


Mathias Moreno

domingo, 28 de abril de 2013

O PORTO DOS SONHOS



No porto dos sonhos aportei...
Com tua presença, meu sonho sonhei...
Ao teu lado, despertei,
e tua presença marcante, notei...
Em teu corpo suave, toquei,
E feliz... de meu sonho acordei,
sentindo de teus carinhos a doçura,
e sentindo um suave torpor,
trazendo-me este imenso amor...
Sentindo tuas caricias encantadas,
cada vez mais apaixonadas,
ao porto dos sonhos quis voltar,
para novamente sonhar...
Senti um intenso deslumbramento,
dominando meu pensamento...
E nessas  horas tão encantadas,
nesse encontro de duas almas apaixonadas,
perdidas em divino  arrebatamento,
que não permite qualquer tormento,
sentiamos apenas um desejo fremente,
amando-nos terna e eternamente...
Esquecemos passados lamentos,
liberando todos nossos sentimentos...
Extraindo do amor a felicidade,
esquecendo toda e qualquer maldade,
nossos sentimentos descobriram a doce paz,
na tranquilidade de que o amor é capaz...
Neste nosso amor descobrimos, de verdade,
que não sentiriamos mais saudade,
pois descobrimos as delícias que a ilusão traz.
sonhos... realidade... coisas que só o amor faz...
E o embarque no Porto dos Sonhos não desfaz...




Marcial Salaverry


 

Quando encontrar o amor



Quando nada mais se revelar como antes...
Tomando sentindo o todo desconhecido
Quando tudo ficar subentendido
Bastando, apenas, um olhar.
- Tenha certeza que encontrou o Amor.

Quando o coração parar de bater por um segundo
E não saber o porquê de uma alegria imediata.
Quando o ar tiver um aroma específico
E a brisa representar alguém.
- Tenha certeza que encontrou o Amor.

Quando viver sonhando acordado
Andar vagando em pensamentos...
E ver o horizonte de forma diferente.
Quando ouvir o silêncio...
E saborear sonatas em meio ao caos.
- Tenha certeza que encontrou o Amor.

Quando tudo lembrar alguém...
A chuva, o entardecer.
E querer ficar perto incondicionalmente
No dia de sorrisos ou na noite de tristeza.
- Tenha certeza que encontrou o Amor.

Não se perda nos abismos da solidão...
Não deixe nada escapar a sua alma.
Pois, a essência de viver é amar.


Wellington Fortunato

sábado, 27 de abril de 2013

AMOR ANTIGO


A noite era nossa
De braços dados
Caminhos encantados
Amarrados um no outro
Nossos corações...

Tínhamos o amor
Colecionávamos ilusões
As alvoradas nos encontravam
Envoltos em emoções
Fogo queimando em braseiro
Corpos ardendo inteiros

Tempos depois
Tão frios e distantes
Dois vulcões apagados...
Mas um vento sudoeste
Põe em alvoroço as cinzas
Eis o amor extinto, renascido

Traz novo vigor, nova vida
E nossas almas tão sedentas
Se abrem docemente
Para sensações jamais vividas
Almas até então desfalecidas
Que se entrelaçam mais unidas

Amor antigo, jamais esquecido
Poderia estar apenas adormecido
Mas resplandece ao sol
É o amor da juventude
Que o tempo tentou apagar
Mas não conseguiu...


Jô Tauil

VEM...



Vem... mas venha para ficar
Há muito que eu não vejo o teu olhar
Onde está que não vem me abraçar
Eu estou aqui a te esperar.
 
Vem... e não me faça acreditar.
Que o nosso amor se acabou
Será que a chama se apagou
E nem uma cinza restou
 
Vem... preciso de ti pra me ajudar.
Na busca de uma paixão
Não me deixe viver de ilusão 
E nem magoe o meu pobre coração
 
Vem... e traga contigo este abraço
E com ele teus beijos molhados
Junto com teu corpo suado
Que me delira num doce pecado
 
Vem... te quero, te chamo, te espero.
Pois longe de ti! Quem sou eu?
Sou apenas uma concha vazia
De quem o mar se esqueceu...
 


Sônia Lopes

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Teu olhar me prende...



teu olhar é a liberdade que
me prende, me rende,
surpreende e faz sonhar;
tem o mistério da lua cheia
circulando em minhas veias
no silêncio de pensar;
envolvente, brilha, incendeia
corre por todo meu eu na
medida exata de queimar;
teu fascínio é genuíno
nem se pode comparar;
ultrapassa as fronteiras
do céu, terra e mar;
tem a beleza mais pura
nada feito com juras
somente por te amar;
teu olhar, contém poesia,
inesgotável magia que
nenhum poeta escreveu;
é poema inacabado
tão meu e teu.


Marisa de Medeiros

LOUCO AMOR



Nunca irei recuar
posso até contornar
a escalada do amar.
Penso que sou forte
com meus músculos de atleta,
mas, na verdade, sou fraco,
está é a realidade.
Seu amor me domina
torna-me forte e confiante,
todo meu sonho
está em suas mãos,
às vezes paro, penso,
e olho ao meu redor,
vejo que não sou nada...
foge meu ideal de ser,
descobrir que me cobro
por tanto amar você,
por tê-la como um pedaço
do meu viver,
na essência da minha vida,
por isso a amo demais.


Sérgio Diniz Barros Guedes

quinta-feira, 25 de abril de 2013

APENAS SONHOS DE AMOR



São sonhos apenas,
e em sonhos, não há penas...
Existe apenas um certo não-sei-o-que,
que me deixa em devaneios...
Devaneios que me fazem sonhar assim...
Assim são os sonhos...
Sonho que te quero sonhar,
sonhar com o amor...
Amor, que te quero amar,
com um uma doce poesia...
Poesia, que te quero poetar,
para te falar de meu desejo...
Desejo, que quero desejar,
desejar tua boca...
Boca, que quero beijar,
beijar ainda que em sonhos...
Sonhos de amor...
Serão amores sonhados?
Serão amores vivenciados?
São sonhos de amor,
que à nossa vida dão mais cor...



Marcial Salaverry

Amor do coração



Ó coração, por que insiste em se apaixonar?
Já não basta as decepções que tem contigo?
Será que não vês que esse amor que te dilacera
Que te prende a ele, que te encarcera
Não será o teu melhor amigo´
Apenas irá te decepcionar?

Por ser tão grande esse amor
Que mesmo amargurado não acabou
Uma pequena faísca reacende o fogo da paixão
Novamente, entra o amor no coração

Permaneço sempre na esperança, fiel amiga
Mas a insegurança me traz muito medo
Fico sem saber se ainda é cedo
Ou se o amor já chegou à minha vida

Ah, que grande angústia de alma
Alguém, por favor, me ensine a ter calma
Não quero ser precipitado
E amar o amor errado...


Dias Neto


25 de Abril de 1974 sempre!!!!






quarta-feira, 24 de abril de 2013

A Medida do Amor.



A medida do amor é amar eternamente
É saber doar ao outro plenamente
É ter os olhos denunciando que se ama.
É saber em silêncio que o cônjuge nos chama.
A medida do amor é lutar em sua grandeza
Pela força que o amor nos dá, em sua beleza...
A medida do amor é aceitar o outro como ele é
É entender que o amor é cristalino e puro como a fé.
Quanto mais te amo, mais amor de ti recebo.
Um amor que jamais na terra se viu
A medida do meu por ti é infinita
Amor que fez e faz a minha vida mais bonita...


Sandra Galante

O PASSAR DAS HORAS



Quem sabe o destino
das horas passadas?
Onde moram sepultas,
em abandono, confinadas,
nos armários corroídos,
em um vago desatino?

Lembranças lânguidas,
na memória, ocultas,
depositadas em lixos,
na periferia,
nos anais inseridas,
aguardando um dia,
por ironia, reencarnar.


[Gustavo Drummond]

terça-feira, 23 de abril de 2013

PAIXÃO DO QUERER



Se um dia eu pudesse escolher
escolheria a essência do amor
para juntar ao seu esplendor,
oh! Linda mulher!
Em forma de flor,
se eu pudesse escolher
escolheria você,
com uma pura razão, podes crer,
tê-la como a mais bela rosa
do meu jardim,
para todos os dias colher
e guardar no coração do amar.


Sérgio Diniz Barros Guedes


Ai, Meu Coração...



O sol brilhava,
E eu aqui sentada,
Com a minha dor,
Daquele grande amor,

Sentada eu olhava,
Na janela de casa,
O vento na cortina,
E a solidão no meu quarto,

E de repente ardia,
Aquela agonia,
De tanta solidão,
Ai, meu coração,

Olhando para essa estrada,
Lembrando-se de aguas passadas
E esperando ele chegar
Para entrar na minha casa, e um abraço eu li dar.


Jaciene Santana

segunda-feira, 22 de abril de 2013

SIMPLESMENTE AMOR



Que o amor seja eterno,
enquanto é terno...
Que para sempre viva,
e às dores sobreviva...
Que viva sempre em nosso coração,
dando à vida esta doce sensação...
Para tanto amor assim,
a morte não será um fim...
Mas é melhor de amor viver,
do que por amor morrer...
O amor dá vida ao coração,
traz sempre aquela forte emoção
que nos traz felicidade,
e assim, vivemos de verdade...
Desejando total amor em nosso porvir,
com toda a felicidade que está por vir...



Marcial Salaverry


Amor infinito...



e a lua escandalosamente
linda, transcende e acende
a chama da paixão
e o fogo do amor;
um ícone de magia reluz,
seduz e contagia;
inconsequente coração,
desvairado, tresloucado,
lado a lado, do teu lado,
escancarado, apaixonado;
mexe, remexe, atiça,
aguça os sentidos no
estonteante paraíso e
tudo que é preciso pra
chamar tua atenção;
em teu braços explode
sedução dos sonhos
inusitados, amor renovado
na utopia da imaginação,
energia da poesia;
imperfeito e completo
amor a céu aberto.


Marisa de Medeiros


domingo, 21 de abril de 2013

Amor Bendito!



Que amor bendito que nos une,
Que dá a nossa vida tanto lume!
Que enlaça a alma e o coração
Mesmo que haja uma separação...
 
Amor que resplandece em nosso olhar
Dando a certeza do nosso amor
Que dignifica e conduz ao altar
Altar, da sabedoria maior...
 
Amor maior que a nós mesmos,
Maior que o nosso querer,
Que nos leva ao entendimento
De amar sem nada comprometer.
 
Sentimento forte, que norteia ao norte,
Que ultrapassa as fronteiras da morte...
Na esperança das bênçãos do nosso Pai,
Esperamos pacientes no amor que nos atrai...


Sandra Galante